Mãe dos Orixás – Cantiga Afro-brasileira de Lavoisier Menezes

02.02_homenagem_a yemanja

Mãe dos Orixás

                             Cantiga Afro-brasileira de autoria de Lavoisier Menezes*

O mar estava tão sereno
noite de estrelas e luar
rosas brancas flutuando
suave perfume chegando
com a brisa que vinha do mar
e radiante
com seu diadema a brilhar
Yemanjá sorrindo
entoava um canto lindo
caminhando sobre o mar
ô ô ô ô o doce Yabá
minha Mãe Sereia
Sereia do Mar
Deusa de tanta beleza
Mãe de toda a natureza
Mães de grandes orixás
Do orixá seu Ogum
Divindade Rei da Guerra
Do senhor Oxóssi
Rei da mata e caçador
Do senhor Exu
Ele que é o dono da terra
E grande trabalhador
Ô ô ô ô o doce Yabá
minha Mãe Sereia
Sereia do mar
Deusa de tanta beleza
Mãe de toda a Natureza
Mãe de grandes Orixás

_________________

Cantiga afro-brasileira de autoria de Lavoisier Menezes (1921 – 1997)
enviada por sua filha, a poeta, amiga e escritora Ly Sabas .

imagem – fonte: http://www.facebook.com/IleAseIyamiOmiTutu
Esse post foi publicado em Música, Poesia e marcado , . Guardar link permanente.

6 respostas para Mãe dos Orixás – Cantiga Afro-brasileira de Lavoisier Menezes

  1. Ly Sabas disse:

    Olha, Papai, como fica bonita sua cantiga aqui no Cantinho. Tenho certeza de que o Rouxinol da Umbanda aprova. Obrigada Clarice Villac.

  2. Como sempre lindas cantigas!!!! Saudades………….

  3. Selmar disse:

    Adoro essa cantiga!!!! Estrela como Rouxinol da Umbanda nunca se apaga.

  4. Auremy Menezes disse:

    Saudades…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s