BR O5O – Pedágios – Santino Frezza

rodovia_br050_santino_frezza

BR O5O – Pedágios

                              Santino Frezza

Esta é a rodovia BR 050, rodovia federal que tem início na divisa de Minas com São Paulo e termina em Goiás, na BR 040, que liga o Rio de Janeiro a Brasília, passando por Belo Horizonte.

A BR 050 é continuação da estadual paulista Via Anhanguera.

Como se vê na foto, a BR 050 é uma estrada que foi recentemente duplicada no trecho que vai do início até quilômetros depois da divisa de Minas com Goiás.

Daí para diante, a pista original foi totalmente reformada, com construção de terceira faixa nos pontos mais críticos.

Num trecho na região de Ipameri – Cristalina, em Goiás, ela já foi duplicada e daí até a BR 040 a duplicação está em obras.

Na recente viagem que fiz até a Chapada Diamantina, na Bahia, passei pela Anhanguera e pela BR 050, ambas em excelentes condições de uso.

O detalhe é o seguinte: despedimo-nos da via Anhanguera, a estadual paulista, pagando no último pedágio em Ituverava-SP a bagatela de R$11,30.

Fomos recebidos em Minas pela federal BR 050 pagando R$3,90, no trecho da foto. Nos pedágios seguintes, R$ 3,00, R$4,30, R$4,80 e R$5,20.

Nos pedágios anteriores da Anhanguera, pagamos R$9,30, R$6,10, R$6,10, R$6,40 e R$6,40 e ainda nos livramos do pedágio de Limeira, a R$5,10, porque utilizamos uma via secundária.

Do primeiro pedágio da Anhanguera em Limeira até o último em Ituverava, na mesma via, são 246 km e R$ 50,70.

Do primeiro pedágio na BR 040, em Minas, até o último, em Goiás, são 213 km e R$21,20.

Uma conta simples revela que paga-se pouco mais de R$0,20 (vinte centavos) por quilômetro na paulista Anhanguera, enquanto que na federal BR 050 paga-se menos da metade, pouco menos de R$0,10 (dez centavos).

Considere-se ainda que a BR 050 só cobra pedágio nos trechos já totalmente prontos e nada se cobra nos trechos ainda em obras.

Qual o motivo dessa diferença? Tem várias explicações, mas a principal delas está nos diferentes modos de governar, entre o PT, federal, e o PSDB, estadual paulista.

__________

Veja também: Pedágios – Santino Frezza; charges de Bira e Pelicano

“O texto que é ilustrado pela foto da rodovia pode ser visto como uma atualização deste que foi publicado no Cantinho Literário, mas também pode ser visto como uma continuação. São cerca de 5 meses entre a elaboração de um e outro e a previsão de que a cobrança de pedágio seria mais “amena” que os pedágios paulistas se confirmou.

Santino Frezza

_______

Foto por Santino Frezza.

Para ver  fotos de aves por Santino Frezza: http://www.wikiaves.com.br/perfil_sanfrezza

Anúncios
Esse post foi publicado em Artigos, Prosa e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s