Contato

Participe, enviando seus escritos – poesias, crônicas, artigos, contos, ‘causos’; desenhos, imagens, músicas.

Anúncios

Uma resposta para Contato

  1. Nada é tão belo que não possa sucumbir
    Ante o jugo da impiedosa poluição.
    Turvando o céu, pesando o ar, matando rios,
    Uma chaga purulenta espalha a destruição…
    Rezem crianças pelo fim desse martírio
    Este planeta de cuidados necessita.
    Zelem pelo que resta, um sopro de vida,
    A natureza estende a mão e agoniza.

    (Andra Valladares)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s